Das coisas da vida que amo

  

Das melhores coisas da vida, 
atualmente o que mais amo é a normalidade....
Ter dias dentro da rotina e sem grandes mudanças.
Sair de casa para uma viagem curta de férias e
o trânsito fluir e permitir curtir a natureza,
 rir das placas pelo caminho,
curtir o passeio apesar de... 
"los hermanos" acharem que podem
furar fila sempre por terem como "desculpa"
 não compreender o idioma.
(eu presenciei e nem tentei "educar" ninguém - estou de parabéns)
Voltar para casa no dia em que começou a esfriar e 
chegar em casa com 27 graus de puro calor,
(lembrando que estamos na estação Odeio Paranaguá, também conhecida como verão)
Ser recebido  pelo quarto elemento - a Pérola 
fazendo a maior festa, como sempre. 
Ir colocar a roupa suja na máquina de lavar e apresentar erro
(isso para mim é normal)
Abrir a internet e descobrir como consertar a máquina
(e deu certo ...uhu!)
Cachorros correndo pela casa
Filha e namorado no sofá
Marido assistindo através das pálpebras
Eu estudando pra prova
Eu amo essa normalidade...
Amo quando todos estão com saúde
Amo quando não tenho períodos de provação e "fortalecimento"
E sou GRATA por isso tudo.

Esse post faz parte da Blogagem coletiva da Elaine Gaspareto, clica aqui e participe você também!
#52semanasdegratidão


É pra glorificar de pé...




Estávamos com "problemas técnicos" em nossa residência,
queimou a placa do portão eletrônico
 e cabia a mim, exercitar os bíceps
 erguendo o portão a cada saída que fazíamos de carro, 
pensa nos dias chuvosos que maravilha que era.
Ontem o técnico veio e trocou a placa,
 gente, é pra glorificar de pé....

Aleluia!!!

Agora sim estou de férias, 
(parei de ser o motor do portão eletrônico...aff) 
vou ali continuar a fazer o que já estava fazendo.....



Ir caminhar na praia, com ele.... 
o cara que fazia piadinha toda vez que ia sair com o carro.... 
Fico imaginando os vizinhos que ficavam me ouvindo xingar
 e deviam pensar que estávamos brigando.....
Mas não, a gente briga menos do que a família acredita e
mais do que gostaríamos, 
é que aprendemos a rir das tragédias cotidianas
 e fazer piada um do outro, 
com respeito, sem diminuir o outro, 
apenas aceitando as diferenças...



Então...
Sou grata pela vinda do técnico.
Sou grata pelo respeito as nossas diferenças.
Sou grata por entender que tudo acontece quando tem que ser.

Essa postagem faz parte da blogagem coletiva da Elaine Gaspareto projeto #52semanasdegratidão

Muita Luz e Paz!

Férias, planos e.....

Nada vai dar certo!
Não! 
Calma, não é bem assim. 
Não vai dar certo apenas o que tínhamos planejado inicialmente...
E como tudo depende da forma como encaramos tudo.
Comecei as férias da faculdade 2 dias antes do Natal, e marido entrou em férias dia 16 de janeiro, pretendíamos viajar no dia 14 (um sábado), e no dia  08 caiu uma chuva torrencial (158 mm) e com muitos raios, foi assustador (até aqui tudo bem).

E nós que alimentamos os planos para o final de semana......
Mas, (sempre depois do "mas" algo acontece..... ) no dia 13 caiu muita, mais muita água (200 mm) em poucas horas, famílias ficaram desabrigadas. 
(foto que circulou pelo face, é o centro da cidade, desconheço o autor,
 achei maravilhosa por isso trouxe para partilhar com você)

Para nós o estrago foi menor, queimou a placa do portão eletrônico e ficamos sem iluminação com as tomadas funcionando. 

Sabe o motivo de eu te contar isso? 

É que não viajamos por precisar de profissionais para resolver tudo em nossa casa, mas tudo é tão simples, basta contratar alguém..... Porém TODOS os profissionais qualificados estão ocupados trabalhando nos casos mais graves. Assim, consegui quem nos "desse" a luz, mas a placa do portão demanda profissionais que forneçam nota e possuam domínios maiores, serviço de maior custo.
Então nossas férias atuais são:


Caminhadas pelas praias próximas, e caminhadas pela cidade....
Almoço em restaurante, tardes de filmes e bate papo com o marido
Se o técnico vier até amanhã a tarde, talvez a gente possa viajar...
Ou não...rsrs

Sabe quando nada dá certo, mas mesmo assim você sabe que teve muita sorte?

Muita Luz e Paz!
Abraços


Sou grata ao acaso ou meu Anjo da Guarda, se assim o preferir. Sou Muito Grata! #52semanasdegratidão



Aprendi, a olhar para trás e ver as situações com olhar crítico, e sabem o que percebi?
Percebi que nunca tive medo, receio e por isso fui deveras imprudente. 
Costumava afirmar que meu anjo da guarda era superpoderoso. 
Mas que deveria estar meio "estrupiado", aja visto, as situações extremas que me poupou. 
Quando ouvi a música Epitáfo (em mil novecentos ee.... enfim lá no século passado) 
entendi que foi escrita para mim. Presta atenção:


Devia ter amado mais 
(aprendi apenas  aos vinte e tantos anos a amar e a deixar as pessoas me amarem)
Ter chorado mais 
(choro mais que a maioria das pessoas, choro por tudo e por todos ou por nada)
Ter visto o sol nascer 
(troquei por sol se pôr, acordo depois das 7 da matina)
Devia ter arriscado mais e até errado mais 
(é impossível. Pois é aqui que o refrão faz sentido, onde o anjo da guarda ou Acaso, entra na história)
Ter feito o que eu queria fazer 
(sempre me policio para não magoar, não "perder" tempo, não, não....Mas ainda vou melhorar aqui)
Queria ter aceitado as pessoas como elas são
(só recentemente aprendi que cada um tem seu nível de evolução que não adianta bater de frente)
Cada um sabe a alegria e a dor que traz no coração
(Só sabe do caminho aquele que calça a sandália e faz o trajeto)

O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar distraído
O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar...

Devia ter complicado menos, trabalhado menos
(levar trabalho pra casa, atender o celular na praia quando estava de férias e resolver coisas do trabalho - fui dessas, as vezes ainda sou)
Ter visto o sol se pôr 
(aqui tenho feito muito, e ensinei aqueles que amo a valorizarem esse tipo de maravilha)
Devia ter me importado menos com problemas pequenos
(me policio constantemente para evitar dar importância ao que não merece)
Ter morrido de amor
(morro de amor - com direito a drama, lágrimas e DR - marido e filha são testemunhas viva do fato)
Queria ter aceitado a vida como ela é
(ainda não consigo, as vezes me debato contra ela....mas estou aprendendo a ser grata a vida)
A cada um cabe alegrias e a tristeza que vier
(acredito nisso e agradeço muito por cada alegria e tristeza que tenho me confrontado)

O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar distraído
O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar...

Devia ter complicado menos, trabalhado menos
Ter visto o sol se pôr.

Por isso hoje sou grata ao acaso (anjo da guarda ou qualquer outra designação que você tiver), hoje trouxe a letra da música, pois ela sintetiza muito do que eu gostaria de contar para você, porém renderia um livro e achei que talvez seu tempo fosse curto para uma leitura extensa demais...rsrs

Esse é o segundo post que faz parte da Blogagem Coletiva #52SemanasDeGratidão da nossa querida Elaine Gaspareto que nos convida a partilhar toda semana de 2017, nossas pequenas alegrias e prazeres. Se você deseja saber como foi minha primeira participação, clica aqui, mas se deseja participar clica aqui e veja como fazer



.Muita Luz e Paz!
Abraços


a natureza e suas especificidades...

Estava eu assistindo o jornal, quando o jornalista explicava que a região do entorno de Brasilia está com racionamento de água devido a falta de chuvas. Então, pensei que aqui estamos com racionamento de água devido o excesso de chuva......aff
Seguinte, em dois dias choveu mais de 300 mm, ou seja, em horas choveu o que deveria chover ao longo de um mês, aí inundou ruas, invadiu casas e transbordou as cavas de tratamento, demandando reparos. 
A natureza é maravilhosa e nós precisamos nos adequar e aprender a aceitar seus fenômenos, mas principalmente respeitar e tentar preservar o máximo que pudermos.
Agora momento de solidariedade com aqueles que perderam seus pertences, quando a água entrou em suas residências. Já tem campanha pedindo doação de material de higiene e limpeza, água e etc...
Muita Luz e Paz!
Abraços

Gratidão



 Sou grata.  Amo viver! 
Todos os dias eu agradeço a presença em minha vida 
de meus amigos e familiares e de vocês. 
Não sou do tipo que ignora as agruras da vida, 
 que acha tudo lindo. 
Sou realista!
Encarro as situações de frente.
Na minha vida existe o era pra ser assim e ponto, mas...
Sou  a que pergunta, qual o motivo de ter acontecido...
Posso me prevenir no futuro?
Se a resposta é afirmativa,
me coloco a trabalhar para prevenir.
Se a resposta é negativa, encaro como "provações" inevitáveis,
ou seja, como obstáculos a serem superados,
que servirão como fortalecimento,
físico, emocional e espiritual,
 e sou grata aqueles que me ensinaram
  a ver a vida assim.
Entre esses meus mestres da vida, 
tem pessoas com quem convivo no dia a dia,
e outros cujo contato é apenas eventual ou virtual. 
Num encontro casual sou capaz de aprender muito.
Mas a que mais me ensinou, foi sem dúvida alguma,
minha filha, seguida de meu marido e minha mãe.
Mas também existiram tantas pessoas
anônimas, e outras nem tanto...
O saber de vida, vem sempre de lugares inesperados,
algumas vezes ao ler  um blog amigo e ver a situação
relatada por alguém, me fazem repensar minha vida
e aprender a mudar de direção antes que eu precise sofrer
Por isso sou grata também as amigas virtuais, que por meio
de uma postagem ou um comentário, me ensinam muito.
Obrigada! Obrigada! Obrigada!
Muita Luz e Paz!
Abraços

*essa postagem faz parte da Blogagem Coletiva da querida Elaine Gapareto (clique aqui e conheça o blog dela) 





Blog protegido

myfreecopyright.com registered & protected

Visualizações

Categorias